Background Image
Table of Contents Table of Contents
Previous Page  8 / 72 Next Page
Information
Show Menu
Previous Page 8 / 72 Next Page
Page Background

8 INFRA

Outsourcing & Workplace

DESIGN DE PONTA A PONTA

SVP Técnico, Construção

e Design da AccorHotels

América do Sul, Paulo

Mancio anuncia o

apartamento do

futuro e os novos eixos

estratégicos da rede

hoteleira na busca por

tornar inesquecível

a experiência do

usuário – objetivo que

impacta diretamente

Facilities Management

Reportagem de Capa

|

por Érica Marcondes

A

AccorHotels parece não ter sentido

a crise, pelo menos não na mesma

intensidade dos demais nichos de negó-

cios. O ano de 2016 foi recorde ementrega

de empreendimentos: 31 novos hotéis na

América do Sul, onde a rede contabiliza

a operação de 289 hotéis (dos quais 252

estão no Brasil). Além disso, 40 foram re-

novados e a promessa é de que 2017 siga

em um ritmo semelhante.

Os bons ventos sopram de um movi-

mento de transformação, da aposta forte

emdesign, tecnologia e sustentabilidade –

eixos estratégicos que visamacompanhar

a sociedade e, mais do que isso, atender

os diferentes perfis do novo hóspede.

Paulo Mancio, SVP Técnico, Constru-

ção e Design da AccorHotels América do

Sul, diz ser fundamental buscar inovações,

não somente na indústria da hospitalida-

de, mas nos mais diversos universos que

compõem a experiência de uma viagem.

“Percebemos que aquele produto em

que éramos extremamente vencedores –

os nossos projetos standards –, há dois

anos começou a mudar. Hoje a proposta

é oferecer uma dose muito mais forte

de design e customização, levando em

conta a localização do empreendimento.

Em outras palavras: é necessário ousa-

dia, conhecimento apurado sobre novas

tecnologias, rigor técnico e muita criati-

vidade para valorizar a hospitalidade e a

experiência das pessoas nos ambientes

de umhotel”, afirma o executivo, que está

na empresa desde 2002.

Um exemplo de como o design pode

ser poderoso é o ibis Styles São Paulo

Anhembi, inspirado na história da avia-

ção. Até mesmo o entorno colabora para

essa atmosfera, uma vez que está situado

próximo ao Campo de Marte, aeroporto

para aviação geral, executiva, táxi aéreo

e escolas de pilotagem, e à Praça Campo

de Bagatelle, onde há uma grande réplica

emmetal do 14 Bis, avião no qual Alberto

Santos Dumont fez o seu famoso voo em

Paris, em 1906.

No interior do hotel, o piso do lobby

simula uma pista de decolagem a fim de

conduzi-lo a uma viagem inesquecível. No

bar, sente-se em poltronas de aviões e

seja recebido pela equipe comumanima-

do serviço de bordo. Nos outros andares,

os corredores azuis são o caminho para

os 187 quartos com camas de nuvens.

Divulgação AccorHotels